Bright Concept
PT EN
Contacte-nos

Contacte-nos

* Campos obrigatórios
Li i aceito a Politica de privacidade
Enviar
INÍCIO /

Blog

/

Liderança

/ 5 formas de melhorar as competências de liderança em tempos de incerteza

5 formas de melhorar as competências de liderança em tempos de incerteza

EM: Liderança.20 DEZEMBRO, 2021
5 formas de melhorar as competências de liderança em tempos de incerteza

A situação faz o líder ou o líder faz a situação?” Grandes líderes como Lincoln ou Roosevelt não surgiram do nada. Crises, desafios e adversidades moldaram estes indivíduos, criando momentos de transformação e sucesso. E, não foram os únicos.

Os líderes enfrentam desafios de modo frequente e conseguir superá-los é a chave para o sucesso, especialmente quando estes são difíceis de prever com a antecedência necessária. Contudo, existem maneiras de melhorar as suas competências de liderança em tempos de incerteza. Neste artigo, iremos escrever 5 diferentes estratégias que ajudaram outras pessoas a liderar as suas equipas com sucesso em tempos difíceis.

Porque é que a liderança em tempos de incerteza é importante?

Sempre que uma empresa passa por uma fase difícil, é importante que o líder se imponha e oriente os membros da sua equipa. Nestes momentos a figura do líder é fundamental. Em tempo de incerteza, são muitas as peças que requerem coordenação para garantir o sucesso da sua empresa. É o papel do líder estruturar o caos e reforçar a visão a médio e longo prazo de forma continuada.

Sem uma liderança inspiradora, os momentos de incerteza podem ditar o fim de muitas organizações. É esperado do líder manter a motivação e a produtividade, transmitindo segurança nas decisões. Se puder ajudar os seus colaboradores a navegar essa incerteza, em conjunto, eles irão sentir-se mais à vontade com os seus próprios futuros incertos.

Um líder é a figura para a qual a equipa irá olhar à procura de respostas e orientação, e essa equipa irá ter necessidades diferentes perante o inesperado.

Quais são as competências necessárias para liderar em momentos de incerteza? Como as pode melhorar?

1. Enfrentar a incerteza com a compreensão do que se passa à sua volta

Reconheça o problema que está a enfrentar.  Olhe ao seu redor e veja o que está a acontecer. Como é que as pessoas se estão a sentir? O que está a resultar bem na opinião deles e o que precisa de ser adaptado? Tente realmente entender quais as oportunidades em que pode crescer e trabalhe para as melhorar.

Precisa também de dedicar mais atenção a olhar para além do que é diretamente acessível no nosso ambiente, nos comportamentos e crenças dos indivíduos, de quem é que a sua equipa precisa agora? De um líder pronto para a guerra? Ou de um líder que acalme os medos? Deve também olhar para nas nossas instituições sociais, na indústria e na tecnologia. Tentar entender o que está a acontecer ao nosso redor num nível mais profundo.

Finalmente, precisa de refletir sobre os seus próprios padrões de perceção. Perceções que não são geridas corretamente transformam-se em rumores, o que é destrutivo para o ambiente de uma organização, pois um rumor acaba, muitas vezes, por tornar-se uma verdade não intencional. Portanto, como líder, se deseja comunicar com sucesso, influenciar ou liderar pessoas, deve entender como é percebido para poder mudar a perceção. Se as pessoas não o distinguem como o líder, não o tratarão como tal e não o seguirão. Se não o seguirem, não será um líder eficaz.

Estas são as ferramentas que levam a um grau mais elevado de conhecimento. Esse conhecimento irá, na maioria das situações, diminuir a ambiguidade e a preocupação. Irá apresentar novas maneiras de lidar com tempos de incerteza, apresentando pontos de vista alternativos.

2. Seja empático

Mostrar empatia pela sua equipa em momentos de incerteza irá ajudar a unirem-se como uma equipa e a sentirem-se capazes de superar esse período difícil em conjunto. A empatia permite que se relacionem num nível pessoal, demonstrando que se preocupam uns com os outros enquanto pessoas. Como resultado, pode melhorar significativamente a confiança e a união. 

E como pode mostrar empatia?

O que faria se o seu colaborador estivesse muito sobrecarregado com as suas tarefas e tivesse que trabalhar mais um dia, mas não pudesse ajudar? Como uma pessoa empática iria sentir-se mal e talvez se se juntasse a ele para tomarem um café e dava-lhe algumas palavras de incentivo.

 

3. Supere a Incerteza com Clareza sobre para onde vão

Comunique com a sua equipa, de modo claro, para superar o problema da confusão e caos. Certifique-se de que todos sabem qual é a visão do futuro e que estão a trabalhar em conjunto para os mesmos objetivos e qual é a estratégia. É importante fazer esta comunicação antes de iniciar um projeto, para que todos estejam na mesma página.

O líder deve também apresentar uma mensagem de esperança, sem distorcer a realidade caótica, abrindo desse modo a mente a oportunidades que de outro modo seriam ignoradas.

Empresas como Kodak e Blackberry sofreram quando a incerteza dos tempos de mudança, sobreposseram-se à clareza e à visão do futuro que os líderes teriam de transmitir. A General Motors, pelo contrário, abraçou os ventos de mudanças, e efetuou a pesquisa necessária para concretizar uma visão de futuro — mudança do veículo e mudança para veículos elétricos ou autónomos. Essa visão ajudou a levar uma empresa que, em 2009 declarou falência, a uma empresa declarada número 1 na indústria automóvel pelo quarto ano consecutivo.

4. Invista nas suas competências de adaptabilidade

A pandemia do coronavírus apresentou a todos nós novos desafios, novas circunstâncias e novas incertezas. Mostrou-nos que a mudança pode vir de forma inesperada e a qualquer momento e como tal, os líderes precisam de ser flexíveis para ter sucesso. Para se tornar mais flexível, comece por experimentar coisas novas no seu tempo livre, mude o seu ambiente e visite lugares diferentes nas suas atividades diárias. Além disso, pode também mudar as suas rotinas ocasionalmente, o que o fará sentir-se mais flexível.

Mas não é apenas o líder que deve incorporar um espírito de adaptabilidade. Toda a sua equipa deve estar disposta a expandir-se além do que a sua função original pode exigir. Mostre-lhes que para serem realmente inovadores e à frente das tendências, devem abraçar a mudança. Os tempos incertos exigem, geralmente, que os indivíduos assumam várias tarefas. Recompense as pessoas que estão a adaptar-se bem e apoie aqueles que têm problemas neste momento.

Imagine que lidera um projeto. É esperado que a meio do mesmo haja uma reunião para discutir os avanços e o que precisa de ser mudado. Enquanto planear para as mudanças e ajustes seja um importante passo para a adaptabilidade, a verdadeira prova para o líder é executar as mudanças, a tempo real. Se o passo 3 do projeto não resulta, não espere pela reunião para incentivar a mudança, ou para experimentar algo novo. Faça-a no momento. Um líder que emprega a adaptabilidade sabe que os resultados alcançam-se quando a resposta ao inédito não é esperar, mas sim ajustar.

5. Seja Autoconsciente

Autoconsciência significa conhecer as suas emoções, as suas forças e fraquezas pessoais e ter um forte juízo do seu próprio valor. Essa qualidade capacita-nos para lidar com a crise que parece avassaladora e a transformá-la num desafio que podemos enfrentar nos nossos próprios termos. Líderes autoconscientes são capazes de se controlar a si mesmos e à situação em questão. Eles gerem conscientemente as suas emoções e também constroem a confiança dos colaboradores. É por isso que a autoconsciência é uma prática importante de ser desenvolvida.

Uma maneira de aumentar a sua autoconsciência é anotar os seus principais planos e prioridades e acompanhar o seu progresso. Além disso, pode conversar com os seus bons amigos para ter uma melhor visão de como se relaciona com os outros. Pode ainda pedir de modo regular feedback. Isso irá permitir que entenda melhor os seus próprios pontos fortes e fracos.

Imagine a seguinte situação: Alguém na sua equipa executa uma tarefa que nunca fez antes. Como tal, não está familiarizado com todas as nuances do que eles fazem. Como agiria? Se for autoconsciente, reconhecerá a sua lacuna de conhecimento. Irá passar tempo com a equipa para aprender com eles e fazer perguntas quando não entender algo. Com eles elabora um plano para o trabalho com o qual está menos familiarizado para poder acompanhar a sua performance, e terem uma relação de confiança.

Abraçar a necessidade de aprender novas competências e admitir quando não sabe, é uma mentalidade construtiva que vale a pena demonstrar. 

 

 

Conclusão:

Liderar é conduzir as pessoas ao futuro mesmo quando este é incerto. É parte do papel do líder, apresentar-se como um capitão de navio, que enfrenta o desconhecido com coragem e tenacidade, e está sempre atento ao perigo, mas também ao sucesso, mesmo quando esse se encontre escondido atrás dos momentos mais difíceis.

As 5 dicas que compartilhamos hoje devem ajudá-lo a desenvolver competências de liderança para o futuro que o servirão bem, não importa o que aconteça a seguir. Qual é a competência que se vai focar em desenvolver?

 

Nastasja Spitkowski