Bright Concept
PT EN
INÍCIO /

Blog

/

Recursos Humanos

/ Como motivar, reter e desenvolver o talento dos Millennials?

Como motivar, reter e desenvolver o talento dos Millennials?

EM: Recursos Humanos.9 JANEIRO, 2019
Como motivar, reter e desenvolver o talento dos Millennials?

Muito se tem falado, e escrito, sobre este tema, no entanto continuo a deparar-me muito frequentemente com managers frustrados perante este desafio, e a realidade dispendiosa que representa para muitas empresas.

 

Considerando que atualmente os Millennials são mais de 40% da população ativa e em 2025 serão 75%, é primordial que as empresas consigam motivar e desenvolver estes trabalhadores, potenciem as suas forças e consigam retê-los mais tempo, já que isso significará ganhos financeiros a vários níveis (mais produtividade, mais eficiência, menos custos de rotação de colaboradores…).

 

As estatísticas mostram que esta geração permanece apenas entre 2 a 3 anos numa função/empresa, o que significa que em média terão cerca de 20 empregos durante a sua vida ativa, construindo o que se designa por “portfolio career”. O constante desenvolvimento e aprendizagem de novas competências é, por isso mesmo, crítico, para que estes profissionais se possam manter ativos profissionalmente e capazes de responder a novas realidades que vão surgindo. As empresas devem identificar quais as necessidades e serem as facilitadoras dessa aprendizagem. Formações e certificações específicas, de curta duração, serão cada vez mais a tendência, para que estes colaboradores multitasking possam contribuir ativamente a nível profissional e sintam que podem fazer a diferença.

 

Para motivar e reter Millennials, as empresas necessitam criar uma cultura forte onde abertura, transparência e colaboração sejam valores ativos, e onde os managers exerçam uma liderança inspiradora estabelecendo claramente qual a visão, o porquê e o significado do que fazem. Esta geração quer acreditar que contribui para criar um mundo melhor, e que há uma razão para estarem nessa empresa que não só o salário.

 

É também muito relevante criar ambientes e políticas de trabalho flexíveis, permitindo gerir o equilíbrio entre trabalho e vida pessoal, já que para os Millennials os resultados são o mais importante (e não as horas de trabalho). Neste sentido um acompanhamento regular por parte dos managers, com feedback mais frequente, garante que os colaboradores estão motivados e alinhados com os objetivos da empresa. Não estão interessados em managers que chefiem, mas sim que sejam coaches/mentores que os oiçam ativamente, que identifiquem oportunidades de desenvolvimento e estabeleçam planos para aprendizagem de novas competências que possibilitem evolução e progressão na empresa.

 

A presença dos Millennials nas empresas é incontornável. Estas têm que se adaptar a esta realidade, e criar condições para retirar o melhor das oportunidades que daí são criadas tem que ser o novo mindset de quem está a frente dos negócios. Trabalhar com uma geração para o qual propósito, flexibilidade e constante desenvolvimento é fundamental traz novos desafios, mas há soluções.

 

Desenvolver uma cultura de Liderança através de Coaching, possibilitar Coaching e Mentoring interno, e o planeamento e desenho de novas estratégias de formação assentes no constante desenvolvimento de novas competências e criação de oportunidades de aprendizagem experiencial são um must!

 

E você? Partilha regularmente a visão e valores da sua empresa com os seus colaboradores? Já tem o plano de formação e desenvolvimento para 2019?

 

 

Marta Sousa | Business Director & Associated Coach